sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

O rádio como Negocio


O palestrante Ivan Feitosa apresentou nesta quinta-feira dia 25 de fevereiro a palestra o rádio como Negocio, onde foram abordados dados estatísticos sobre o rádio no Brasil, e a sua audiência junto ao ouvinte. Com dezenas de ouvintes atento ao tema proposto o palestrante levou ao conhecimento de todos os presentes a importância de investir na mídia radiofônica que, além de mais barato traz

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

ASSERPE realiza reunião setorial na Integração FM – Surubim


Hoje quinta-feira dia 26 de fevereiro a ASERPE (Associação das Empresas de Radiodifusão de Pernambuco realizam na Integração FM reunião setorial com diretores de rádio do estado, e a tarde às 1430, a ASSERPE promove na Microlins Surubim Palestra para empresários e gerentes de empresas da Região.
A palestra será ministrada por Ivan Feitosa com o tema: O Rádio como Negocio. A integração FM enviou convite aos clientes da emissora para que possa participar da palestra e conhecer os benefícios que o rádio trás as empresas quando utilizado de forma correta.

Ana Cláudia
D. Marketing

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Integração FM 88.5 faz cobertura completa

No Carnaval de Todos, tradicional Desfile das Meninas Virgens de Surubim que este ano completou 25 anos a Integração FM fez a cobertura completa para os ouvintes da 88.5. Confira aqui os videos com as fotos.
video
video
video

domingo, 21 de fevereiro de 2010

Domingo agitado em Surubim




Camarote Vip, points e muita mais muita azaração essa á a onda da vez na tarde deste domingo em Surubim. Gente bonita, frevo, axé, pagode e samba tudo junto no desfile das Meninas Virgens de Surubim.

Encerrando a noite de sábado


Bloco da Prefeitura de Surubim faz um verdadeiro arrastão com a Banda Balada e Beijo mais é o Bloco Surpresa que leva a massa para o Pátio da Usina.

Bloco Luará toca sucessos do momento



Com um repertorio de tirar o fôlego de qualquer folião a Banda Luará arrasta centenas de pessoas pela Av. São Sebastião.

sábado, 20 de fevereiro de 2010

A festa corre solta na Capital da Vaquejada




Com muita animação os blocos Responsa e a Pisada é Essa descem a AV. nesta noite de sábado.

Sucesso junto com toda Garotada



O Bloco Didita Folia arrastou centenas de pessoas na noite deste sábado com muita animação onde a garota junto com os pais e responsáveis pularam muito frevo.

SEXTA-FEIRA DE FOLIA EM SURUBIM



Centenas de pessoas caíram na alegria com a grande prévia dos blocos na noite de sexta-feira. Jovens amimados e extrovertidos cantando e dançando, sentindo o gostinho que vem hoje a noite na festa do carnaval de todos e a Integração FM estava com tudo no Pátio da Usina – fazendo a cobertura com os repórteres Eduardo Gomes e César Nascimento.
Ainda na noite de sexta-feira aconteceu no Anjel Recepções o primeiro baile de mascaras da cidade onde os foliões abraçaram a idéia e fizeram a festa com belas mascaras e fantasia. Ana Cláudia estava presente ao evento fazendo a cobertura.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

25 ANOS DAS MENIAS VIRGENS DE SURUBIM


Um brincadeira que virou coisa séria. Assim é o carnaval de Surubim que acontece tradicionalmente no primeiro final de semana após o carnaval. Com 25 anos de história o Bloco da Meninas Virgens de Surubim cresceu e hoje faz parte do calendário turístico da Cidade favorecendo o comercio e levando alegria a toda região não apenas a Surubim. Na criação do bloco pouco se podia imaginar à proporção que tomaria a brincadeira de amigos. Este ano a festa se supera mais e mais e traz inovações ao evento como um bloco infantil o DIDITA FOLIA com o DJ Val e o Palhaço Pintão.
CONFIRA A PROGRAMAÇÃO PARA O SEU FINAL DE SEMANA EM SURUBIM E VENHA FAZER PARTE DESTA FOLIA.
SEXTA-FEIRA dia 19/02/10 – previa dos blocos no pátio da usina a partir das 21:00, no Angel Recepções as 22:00 Primeiro Baile de Mascaras e fantasias de surubim. Uma previa oficial do desfile das meninas virgens onde será homenageado Mario Júnior – fundador do bloco das Meninas Virgens de Surubim, Capiba im memória e os carnavalescos surubinenses Nilson Mota e Pedro França de Lima in memória, com orquestra de frevo, desfile de fantasias e a escolha da rainha das virgens de Surubim.

SÁBADO dia 20/02/10 – Desfile de agremiações e blocos – os trios partirão da Escola Maria Cecília percorrendo a Av. São Sebastião com destino ao Pátio da Usina.
20:00 - Bloco Didita Folia – Dj Val e o Palhaço Pintão
20: 30 – Bloco da Responsa – Orquestra Sinfônica de Frevo
21:00 – Bloco a Pisada é Essa – Orquestra de Pau e Corda Beira Rio
21: 30 – Bloco Luará no Pato – Banda Luará e Trio
22:30 – Bloco da Prefeitura de Surubim
23:30 – Bloco Surpresa – Banda Asas da América

DOMINGO dia 21/02/10 Desfile de agremiações, blocos, orquestra de Frevo, caboclinho e Maracatu – os trios partirão da Escola Maria Cecília percorrendo a Av. São Sebastião com destino ao Pátio da Usina.
14: 45 – Bloco das Meninas Virgens
15:00 – Bloco Dislub Folia – Banda Salve Simpatia
15: 30 – Bloco dos Camelos – Trio Pantera e Banda Imagem ( Elétrico)
16:00 – Bloco Carrapeta – Forró os Plays (Elétrico)
16:30 – Bloco da Prefeitura – Banda Capim com Mel (Elétrico)
17:00 – Bloco Kifolia – Banda Marreta é Massa
17:30 – Bloco Boi Surubim – Banda 100% Mulher
18:00 – Bloco Surpresa – Banda Garota Safada
18: 30 – Bloco Luará no Pato – Banda Luará e Trio
A Integração FM estará durante todo o evento levando até você todos os acontecimentos dessa grande festa.

RESPONSABILIDADE SOCIAL – O BLOCO RESPONSA SAI PELA PRIMEIRA VEZ ESTE ANO.



Com o intuito de arrecadar verba para a reforma do Lar Amélia França a diretoria do asilo coloca o Bloco Responsa na Avenida na noite de sábado 20 de fevereiro. O Bloco sai com Trio e Orquestra de Frevo a camisa custa R$: 10,00 e pode ser comprada nas lojas credenciadas, toda renda do bloco é revertida para a reforma do asilo de Surubim.
Segundo o diretor do abrigo Eraldo Pio a participação da população no bloco trará resultados positivos para que assim os banheiros, o piso, a cozinha do asilo possam ser recuperados trazendo certo conforto aos idosos que residem no Lar Amélia França.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

PELO 5º ANO CONSECUTIVO O BLOCO FAE FOLIA SAI NA QUARTA-FEIRA DE CINZAS


Como todo bloco que nasce na cidade de Surubim, da idéia de um bom grupo de amigos farristas surgiu à premissa genialidade de fazer um bloco de carnaval para receber os surubinenses que voltam das praias e das folias de momo espalhadas pelo Estado. No dia 1º de março de 2006 às 18:h sai as ruas de Surubim o Bloco Fae Folia – composto pelos freqüentadores do Bar de Fae para arrastar o folião pelas ruas da Cidade. No ano de seu nascimento o mascote do Bar “ ROGER” ( um ratinho que rondavam as dependências do bar) entusiasmado com a movimentação dava seus pulinhos carnavalescos, este ano o bloco saiu as ruas com um certo ar de tristeza pois “ROGER” (o ratinho) faleceu... Porém as famosas baratas batizadas pelos freqüentadores do Bar como PAULISTINHAS de ressaca do carnaval deixaram para aparecer outro dia.
Com centenas de foliões o Bloco já é tradição em Surubim, as pessoas viajam para passar o carnaval fora na expectativa de chegar a Cidade na quarta-feira de cinzas para brincar no Fae Folia. Este ano pela primeira vez o Bloco saiu as ruas com um estandarte, já que nos anos anteriores os foliões levam nas mão galhos de arvores para sacanear o dono do Bloco, com kit especial – especial por dar direito a uma camisa e tira gosto o Fae Folia fez a alegria dos surubinenses segundo um dos tradicionais foliões do bloco Renatinho Celular como é conhecido por todos “ Por pura resenha o Bloco de Fae arrasta o folião na quarta-feira de cinzas que chegam das praias e da folia na capital para dar inicio ao tradicional Desfile das Meninas Virgens de Surubim”.
Sem apoio de nem uma empresa particular ou do poder publico o Bloco sai com o apoio popular – onde a festa é feita do povo para o povo. E que venha agora a folia do carnaval de Surubim que há 25 anos traz uma Multidão a capital da Vaquejada – a Integração FM já está pronta para levar a todos os melhores momentos desta grande festa, com três estúdios na avenida, cobertura pela internet e em tempo real com fotos no Orkut e no blog onde o ouvinte participa pelo MSN e pelo Twitter.

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Com festa e muita alegria, o folião deve tomar alguns cuidados no carnaval.


Ao sair de casa deve ingerir uma alimentação leve, a base de frutas, legumes e massas. Deve beber bastante água e sucos, lavar bem as mãos e evitar ingerir alimentos de procedência desconhecida.
Evitar o excesso de bebida alcoólica. Usar roupas leves, tênis ou outro tipo de calçado fechado que proporcione conforto aos pés. Aplicar no corpo bastante protetor solar.
O folião não deve descuidar, também, da segurança. Ele deve levar apenas o dinheiro a ser utilizado naquele dia e de preferência trocado, a cópia autenticada de um documento de identidade, o endereço e telefone de onde esta hospedado, caso seja turista, não levar nenhum objeto de valor como jóias, relógio e outros, andar em grupo e evitar andar por locais desconhecidos, principalmente á noite. Com pequenos cuidados os dias de folia serão sempre uma festa.

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

103 anos de Frevo


Na terça-feira dia 09 de Fev. o estado de Pernambuco comemorou o dia do frevo. Um dos ritmos mais quentes do estado que leva a Cultura pernambucana alem das fronteiras do Pais.
Ironia do destino ou não Surubim a terra de um dos maiores compositores de frevo do Brasil CAPIBA não comemora a data mais promete fazer bonito no tradicional desfile das meninas virgens de Surubim.
Aos foliões que preservam a memória cultural da nossa terra parabéns por não deixar o Frevo morrer.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

CARNAVAL: PERIGO PARA OS OUVIDOS


Não é novidade que o Carnaval faz parte das comemorações mais populares no Brasil. Os trios elétricos, os batuques das baterias e as músicas dos blocos carnavalescos acompanham a população por dias. Entretanto, o contagiante ritmo do samba e toda a animação que envolve o feriado mais esperado pelos brasileiros escondem um sintoma invisível: o zumbido no ouvido.
É durante e logo após o Carnaval, que se verifica um aumento no número de casos de pessoas com problemas de ouvido, pois muitos foliões ficam com zumbido, perda de audição - temporária ou permanente - e sensação de ouvido entupido, já que o alto volume dos trios elétricos pode ser escutado a 1 km de distância. Além dos foliões, profissionais da imprensa que trabalham para cobrir de perto as notícias do Carnaval frequentemente também são vítimas desses sintomas. Segundo a Organização Mundial da Saúde, a poluição sonora é a terceira maior do meio ambiente, perdendo apenas para a poluição da água e do ar.
De acordo com a Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico Facial (ABORL-CCF), a aparelhagem utilizada nessa época do ano chega a atingir intensidades sonoras de até 130 decibéis, equivalente ao ruído de uma pista de aeroporto ou a uma serra elétrica, o que ultrapassa o nível máximo tolerável, sem causar danos ao ouvido, que é de 85 decibéis.
Especialistas alertam que, quanto maior o nível de decibéis, menor o tempo que uma pessoa pode permanecer no ambiente, sem comprometer sua capacidade auditiva. Ou seja, a cada 5 dB de aumento do som, o tempo de segurança reduz pela metade. Assim sendo, pela lógica:
Nível de decibéis (dB) Tempo de exposição
85 dB 8 horas
90 dB 4 horas
95 dB 2 horas
100 dB 1 hora
105 dB 30 minutos
110 dB 15 minutos
115 dB 7,5 minutos
120 dB 3,75 minutos
Imagine então, o que pode acontecer no ouvido após exposição a 130 dB, durante 6 horas, de 4 a 5 noites consecutivas? Poucos sabem que os problemas auditivos adquiridos nos dias da folia pelo volume das caixas de som super potentes de clubes e trios elétricos ainda podem prejudicar a vida social e profissional, porque provocam insônia, falta de atenção e concentração, depressão e ansiedade, o que demonstra a importância de se pensar nisso antes de abusar no Carnaval.
A Profa. Dra. Tanit Ganz Sanchez, otorrinolaringologista especialista em zumbido e precursora dos estudos sobre o sintoma no país, adverte: “É importante evitar os locais onde o volume é muito alto. Além disso, é fundamental proteger os ouvidos com protetor auricular adequado durante o tempo todo – colocar algodão ou papel não funciona! - e ainda fazer intervalos periódicos de cinco a dez minutos a cada hora de exposição, afastando-se do som alto”.
Além disso, caso a proteção auditiva não seja suficiente e o zumbido, ouvido tampado e perda de audição apareçam, é importante procurar ajuda médica especializada o quanto antes para tentar reverter o problema com medicações, que pode ser conseguido se o tratamento for iniciado até 48 horas após a lesão auditiva.
Idealizadora do Instituto Ganz Sanchez, primeiro instituto de atendimento, pesquisa e divulgação do zumbido da América Latina, a especialista estará à disposição para esclarecer possíveis dúvidas sobre os riscos da exposição prolongada a sons muito altos. Além disso, ciente do risco para os foliões, o Instituto Ganz Sanchez estará de plantão no Carnaval para atender os foliões afetados e maximizar a chance de melhora.

Serviço:
www.institutoganzsanchez.com.br